Artistas internacionais pedem justiça a João Pedro, jovem assassinado no Rio de Janeiro

Inúmeras celebridades estão mostrando apoio a movimentos e protestos na última semana. Nas redes sociais, ou até mesmo indo em manifestações antirracistas, eles estão buscando respostas por George Floyd, ex-segurança negro morto brutalmente por policiais brancos e milhares de outras vítimas negras perdidas devido à violência brutal.

Artistas estão usando a sua voz também para pedir visibilidade a João Pedro, de 14 anos, baleado pelas costas após policiais entrarem em sua casa durante uma operação das polícias Civil e Federal no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, no dia 18 de maio.

Em um gesto solidário que comoveu os internautas brasileiros, Viola Davis, estrela da série ‘How To Get Away With Murder’ foi uma das primeiras a compartilhar um abaixo-assinado online que pede justiça pela morte do menino.

Em sua postagem, a atriz divulgou o link da petição — que tem meta de 1 milhão de assinaturas e em união a hashtag #BlackLivesMatte. O movimento denuncia a violência policial contra as pessoas negras desde que o adolescente americano Trayvon Martin, de 17 anos, foi morto a tiros, em 2013, pelo segurança de um condomínio nos Estados Unidos. A partir de 2016, o movimento começou a chegar em outros países.

Leigh-Anne, do Little Mix, também usou as suas redes sociais para aumentar o alcance da luta por João. Em sua postagem, ela pediu assinaturas e para que encontrem os “monstros” que fizeram isso e claro, justiça.

Noah Urrea, do Now United, também foi uma das celebridades a aderirem o movimento. Em um post no seu Twitter, ele pediu para lembrarmos o nome de João Pedro e assinar a petição.

Em seguida, foi a vez de Ally Brooke, do Fifth Harmony. A cantora compartilhou a petição de João e Breoona Taylor, uma policial negra assassina de forma cruel.

No último domingo, o protesto que aconteceu na frente do Palácio Guanabara pela morte de João Pedro também levou o nome “Vidas negras importam”. Você pode assinar a petição clicando aqui.

André Luiz Freitas

EDITOR DE CINEMA/TV - E aí, que tal falarmos sobre música, série e filmes? Me chama lá @andreluizfreitas_

Não há comentários ainda

Comentários

Seu email não será publicado.