#BlackLivesMatter: Ariana Grande, Halsey e outros famosos vão às ruas

A morte de George Floyd, vítima da violência policial e do racismo nos Estados Unidos essa semana, causa comoção e protestos em todo o país. Ao longo dos últimos dias, famosos somaram suas vozes às demandas da comunidade negra americana que busca justiça em nome de George, sua família e de outras vítimas da brutalidade racista em território norte-americano.

Além das petições online e crowdfundings que arrecadam dinheiro para apoiar judicialmente as famílias das vítimas, alguns artistas se juntaram aos manifestantes nas ruas neste sábado.

Lauren Jauregui, Ariana Grande e Halsey, que têm sido vocalmente participativas no movimento #BlackLivesMatters, desde o início da semana, foram às ruas em Miami e Los Angeles.

Melanie Martinez, Ross Lynch e Madison Beer também foram às ruas. Assim como Halsey, os artistas publicaram nas redes relatos da truculência da polícia nos atos.

A cantora destacou que, ao contrário do que circulou nas redes, ela não foi presa, mas ajudou a proteger manifestantes imigrantes e pediu apoio para ajudar a libertar as pessoas que foram presas protestando.

Outros artistas que se juntaram às manifestações para mostrar apoio a comunidade negra foram Noah Urrea do Now United, Rudy Pancow de ‘Outer Banks‘, e muitos outros.

A situação não é muito diferente da enfrentada no Brasil, em que muitos jovens negros seguem sendo assassinados por quem deveria proteger a população. Nos Estados Unidos e no Brasil teremos eleições esse ano e, como bem lembram alguns dos nossos ídolos, a mudança também pode ser feita nas urnas.

#BlackLivesMatters

Cintia Luz Lima

Jornalista - São Paulo, SP

Não há comentários ainda

Comentários

Seu email não será publicado.