Liam Payne se desculpa por ter ofendido mulheres em músicas com apelo sexual: “Não era minha intenção”

Quem está acompanhando a carreira solo do Liam Payne desde o comecinho, se deparou com uma situação pesada logo após o lançamento do seu primeiro álbum, o “LP1“. Em diversas músicas, o cantor utilizou do apelo sexual nas letras e acabou atingindo o limite ao objetificar mulheres bissexuais em “Both Ways“. As críticas para o álbum não foram positivas e o britânico decidiu se desculpar pelo início da sua carreira solo.

+ Liam Payne revela que o hiatus do One Direction foi resultado de decisões estúpidas

E uma entrevista para o Daily Star, Liam pediu perdão pelas suas músicas e pelo excesso de linguagem sexual nas letras, afirmando que nunca foi a sua intenção e que estava perdido no começo de tudo, apenas tentando seguir uma linha diferente.

“Peço desculpas para todo mundo que se sentiu ofendido com alguma música ou coisas diferentes no meu álbum. Essa nunca foi a minha intenção com nenhuma composição ou algo que eu estava fazendo. Eu estava tentando me desafiar em diferentes áreas. Olhando para trás, foi apenas um momento para mim.”

Ele revelou que estava passando por um momento muito difícil enquanto produzia o “LP1” envolvendo sua vida pessoal, medo de palco e até mesmo com medo do futuro. Liam ainda disse que depois de “Strip That Down“, quase todas as suas músicas tiveram um apelo sexual que é algo que não conseguia fugir.

Mas muita coisa mudou desde então e as músicas novas do Liam serão completamente diferente e com uma mensagem. Já tivemos um spoiler do futuro com o lançamento de “Midnight”, parceria com o Alesso.

Leticia Annes

Editora do Febre Teen Insta/Twitter: @le_annes

Não há comentários ainda

Comentários

Seu email não será publicado.