6 músicas do Little Mix que reforçam o empoderamento feminino

Little Mix está chegando pela primeira vez no Brasil para se apresentar na primeira edição do GRLS Festival em São Paulo que trouxe uma proposta totalmente inovadora com um line-up feminino e com uma super mensagem: empoderamento.

Se estamos falando de empoderamento, precisamos ter Little Mix na jogada. A girlband britânica é um símbolo de poder feminino e elas não deixam de pregar esse tema em suas músicas. Sendo assim, como aquecimento para o festival e claro, reforçar a mensagem, separamos algumas das músicas do grupo com a temática.

Woman Like Me

O primeiro single do “LM5” já chegou mostrando quem manda! “Women Like Me” é um hino feminista, não importa o que digam. A missão das meninas na música é simples: empoderar as mulheres.

Salute

O feminismo é o tema central que percorre a letra dessa música! A faixa que traz o nome do álbum lançado em 2014, tem a simples missão de recrutar mulheres ao redor do mundo para a representação feminina. Vocês querem poder?

Wasabi

A música que também faz parte do “LM5”, traz as meninas fazendo uma crítica bem irônica sobre as fofocas e a maneira que a mídia falam sobre elas. Está aí uma bela resposta!

Strip

Tem muitas pessoas que se inspiram nas músicas e esperam aquele hino para se libertar. Little Mix tem fez a lição de casa e trouxe “Strip” para o mundo, uma música que fala sobre autoceitação e simplesmente aceitar quem você realmente é.

Little Me

Todo mundo tem um momento vulnerável, né? Às vezes a gente precisa de um conselho, de uma palavra amiga e “Little Me” traz exatamente isso. É simplesmente um conselho para falar: “amiga, você é linda, você é f*da e será ouvida. Não deixei ninguém te deixar para baixo”.

Motivate

Precisamos quebrar o tabu de uma vez por todas que mulheres não podem falar sobre sua sexualidade e as meninas do Little Mix exploram isso. Na música, elas trazem o tema de uma forma aberta, explicita e sem medo.

Essas são apenas algumas das músicas que Little Mix traz o empoderamento feminino sem medo. Cada integrante tem sua voz e isso é representado não só em uma música, mas em toda a carreira das meninas. Para a luta diária que as mulheres estão vivendo, ter um grupo de garotas usando da sua arte para lutar ao lado de milhares de mulheres é lindo e inspirador.

Se você quer ver essas lindas ao vivo cantando todos esses hinos e mais alguns, partiu GRLS Festival. O festival acontece nos dias 7 e 8 de março no Memorial da América Latina em São Paulo. Os ingressos estão a venda e podem ser comprados clicando aqui.

Thatiane Molina

26, leonina, publicitária e apaixonada por cinema

Não há comentários ainda

Comentários

Seu email não será publicado.