Confira os looks desfilados no tapete vermelho, com direito a protesto, do Globo de Ouro

A 75ª edição do Globo de Ouro aconteceu na noite desse domingo (07/01). O evento premiou os melhores da televisão e do cinema e, claro, inclui looks fabulosos usados pelos indicados.

Porém, após diversas denúncias contra gigantes da indústria cinematográfica, as mulheres do movimento Time’s Up decidiram chamar a atenção na premiação para fortalecer o debate contra a misoginia e violência sexual, silenciadas há por anos no meio artístico. Para isso, muitas vestiram preto no que ficou conhecido como “on Sunday we wear black (aos domingos vestimos preto)”. Apesar do forte significado por trás da cor, todas estavam lindas e muitos homens também mostraram apoio à causa.

Katherine Langford, indicada como “melhor atriz” em série dramática pelo seu papel em “13 Reasons Why” lembrou que, graças ao momento que vivemos, provavelmente ela não passará pelas mesmas experiências que suas colegas que decidiram falar sobre as próprias vivências abusivas.

Ansel Elgort também recebeu sua primeira indicação – merecida!

Emma Watson, sempre engajada no movimento feminista, compareceu ao red carpet ao lado da ativista Marai Larasi.

 

 

O elenco de “Stranger Things” estava presente e as crianças já não estão tão crianças assim. Alguém para o tempo.

Os irmãos Joe e Nick Jonas estavam elegantes e lindos, como sempre. Nick foi indicado em “melhor canção original” pela faixa “Home”, trilha do filme “O Touro Ferdinando”.

Dove Cameron (nem é gente) estava maravilhosa.

Zac Efron, estrela de “O Rei do Show” também passou pelo tapete.

A atriz e ativista Shailene Woodley foi indicada na categoria “atriz coadjuvante em minissérie ou telefilme” pela ótima “Big Little Lies”.

Laura Marano é uma que nunca erra nas suas produções.

Festa boa tem clã Kardashian-Jenner no meio e Kendall foi representando muito bem a família.

Cintia Luz Lima

Jornalista - São Paulo, SP

Não há comentários ainda

Comentários

Seu email não será publicado.